Início » Notícias » 6 COISAS IMPRESSIONANTES QUE OS ANIMAIS SÃO CAPAZES DE FAZER
Pets

6 COISAS IMPRESSIONANTES QUE OS ANIMAIS SÃO CAPAZES DE FAZER

Foto: Reprodução

Os animais domésticos e selvagens são dotados de particularidades que os fazem interagir com o meio ambiente e outros seres de forma única, baseando seu comportamento em inúmeras variáveis que os tornam ainda mais especiais e integrados a uma complexa natureza. E assim como os seres humanos, as criaturas adaptam seu raciocínio, instinto e sensações de forma a utilizá-las ao máximo dentro de suas limitações, possibilitando que feitos incríveis e surpreendentes sejam realizados.

Confira abaixo algumas coisas impressionantes que animais são capazes de realizar para sobreviver:

1. Criar laços improváveis

De acordo com pesquisadores, animais formam amizades improváveis devido às hostilidades presentes em um ecossistema completo, utilizando os laços com outros colegas de natureza para se defender de parasitas, evitar o ataque desprevenido de predadores, buscar alimentos e ter um local para descansar ou criar filhotes.

Dessa forma, indivíduos das mais diversas espécies, independente de seus nichos ecológicos, têm condições de se aproximar, de modo a aproveitar benefícios que apenas a confiabilidade mútua consegue oferecer.

2. Quebrar expectativas

Definitivamente os animais não são feitos para serem julgados por suas aparências. Assim como os humanos, os seres selvagens e domésticos subvertem às expectativas com muita frequência. As lontras, por exemplo, apesar de serem fofas, liberam um cheiro forte e desagradável de suas glândulas anais e têm um cocô especialmente fedorento devido à dieta, enquanto os tubarões não são tão perigosos e, muitas vezes, atacam pessoas por confundí-las com focas.

3. Solucionar problemas com criatividade e cognição

(Fonte: Hypeness / Reprodução)
(Fonte: Hypeness / Reprodução)

Com grande capacidade mental, os animais conseguem desenvolver soluções práticas para problemas utilizando suas principais características cognitivas. Alguns exemplos notórios de comportamento inteligente de animais são as vacas e os porcos que conseguem, respectivamente, decorar rotas de locais de comida mesmo após mais de um ano escondida e estimular atitudes mais amigáveis a partir de exercícios de raciocínio periódicos como entretenimento e ocupação durante longos tempos de ociosidade.

4. Higienizar-se com perfeição

Cada animal possui basicamente sua própria maneira de se lavar e os mecanismos de higiene variam como as mais diversas características, desde condições anatômicas até o meio de locomoção no ambiente dominado.

Abelhas, por exemplo, retiram o pólen acumulado de seus corpos durante o bater das asas nos voos, enquanto elefantes e rinocerontes tomam banho de lama, galinhas tomam banho de poeira e macacos-prego despejam formigas, centopeias e substâncias baseadas em limão e cebola no corpo para manter parasitas afastados.

5. Caçar furtivamente com camuflagem

Devido à ausência de ossos e à existência de esqueletos feitos de cartilagem fibrosa, as arraias conseguem se esconder perfeitamente em todo tipo de local e são capazes de rastrear silenciosamente suas presas através de odores e eletrorreceptores.

Já crisopídeos e o louva-a-deus conseguem se misturar ao meio ambiente, enquanto cobras-rato e tartarugas-jacaré usam partes dos próprios organismos para simular outros seres vivos e realizar um jogo de sedução com seus futuros alimentos.

6. Fazer música

Habilidade restrita a indivíduos machos, vários seres da natureza possuem dons distintos para cantar, entoando sons harmoniosos em conjunto de percussões onde os instrumentos são suas próprias articulações e partes do corpo. No reino animal, o ato de cantar é mais conhecido como uma particularidade dos grilos, sendo executado como uma forma de resistir às alterações de temperatura durante os diferentes horários do dia; em noites mais quentes, por exemplo, o barulho é mais alto.

Por: ANDRÉ LUIS DIAS CUSTODIO/Mega Curioso

Sobre o autor

radioro

Adicionar comentário

Clique aqui para postar um comentário